Visão das crianças - o que os pais precisam saber

O cuidado com a visão dos nossos filhos é fundamental para um desenvolvimento saudável. Especialistas dizem que mais de oitenta por cento do que uma criança aprende na escola é captado pela visão, então ter certeza que seu filho ou filha tenha uma boa visão pode fazer uma grande diferença em seu desempenho na escola.

Diversos problemas oculares podem ser detectados precocemente quando levamos nossos filhos para o oftalmologista. A seguir descreveremos algumas das principais patologias oculares que acometem cada faixa etária.


Desenvolvimento da visão do seu bebê

Como a visão do seu bebê se desenvolve no primeiro ano de vida e o que você pode fazer para ajudar.
O sistema visual de um recém-nascido leva algum tempo para se desenvolver. Na primeira semana de vida, os bebês não vêem muitos detalhes. Sua primeira visão do mundo é turva e em tons cinzentos.

Durante a Gravidez

O desenvolvimento visual do seu filho começa antes do nascimento por isso é importante seguir algumas dicas:

• Não fumar ou beber
• Ter uma alimentação saudável
• Comparecer ao pré-natal e realizar os testes sorológicos para citomegalovírus, rubéola e toxoplasmose.
• Não tomar qualquer tipo de medicação sem orientação do seu ginecologista.


Ao nascimento

Logo após o nascimento realizar o teste do olhinho para afastar a CATARATA CONGÊNITA, o teste do olhinho é um exame simples que poderá ser realizado na maternidade ou após a alta hospitalar. Este deverá ser o primeiro exame oftalmológico.

CONJUNTIVITE NEONATAL é outra doença ocular que pode surgir ao nascimento, em caso de secreção ocular, o oftalmologista deve fazer uma avaliação para detectar qual a causa. As conjuntivites neonatais podem ser causadas por bactérias da própria flora ocular(stafilococos), gonocóccica(grave), clamídia, viral ou tóxica.

OBSTRUÇÃO DO CANAL LACRIMAL, é uma alteração bastante comum nos recém nascidos, que se deve a uma alteração congênita das vias lacrimais, possui uma evolução benigna na grande maioria dos casos. O tratamento é realizado com massagens, higiene ocular, uso de antibióticos se necessário e sondagem das vias lacrimais somente após os 12 meses.

A RETINOPATIA DA PREMATURIDADE é uma patologia que acomete principalmente crianças de baixo peso ao nascer ( maior risco se < que 1500g) ou em casos de longa permanência em oxigenioterapia, na qual a retina poderá sofrer conseqüências se não tratada a tempo. Portanto nestes caso é fundamental a avaliação do seu bebê com a pupila dilatada.


Os Olhos do seu bebê no primeiro mês

Os olhos do seu bebê não são tão sensíveis à luz ao primeiro mês de vida. Na verdade, a quantidade de luz necessária para um bebê de um mês perceber que a luz está presente (o chamado limiar de detecção de luz) é cinquenta vezes maior que a de um adulto.

Então não há qualquer problema em deixar alguma luz acesa no quarto das crianças - isso não afetará sua capacidade de dormir. As crianças começam a desenvolver a capacidade de ver colorido rapidamente. Por volta de uma semana após o nascimento podem ver o vermelho, laranja, amarelo e verde, mas demoram um pouco para que sejam capazes de ver o azul e o violeta. Isto porque a luz azul tem comprimento de onda mais curto e menos receptores de cor existem na retina humana para a luz azul.


Desenvolvimento da Visão: 2 a 3 Meses

Muitos avanços ocorrem neste período, as crianças desenvolvem de forma mais acentuada a sua acuidade visual e os seus olhos começam a seguir os objetos em movimento.


Desenvolvimento da Visão : 4 a 6 Meses

Por volta dos seis meses, avanços significativos ocorrem nos centros da visão do cérebro, permitindo que seu bebê passe a ver mais nitidamente e mova seus olhos rapidamente permitindo seguir os objetos.
Acuidade visual melhora de 20/400 ao nascimento para cerca de 20/30 aos seis meses de idade e a visão de cores já se assemelha ao dos adultos.

Este período os bebês também têm uma melhor coordenação olho-mão, permitindo-lhes localizar rapidamente e pegar objetos levando-os a sua boca. Ao seis meses o bebê deverá realizar o seu segundo exame com o oftalmologista, mesmo que seu bebê não saiba as letras , o seu oftalmologista pode realizar testes não-verbais para avaliar a sua acuidade visual, detectar a miopia , hipermetropia e astigmatismo , e avaliar se existe ESTRABISMO (mal alinhamento dos olhos ou olho torto “vesgo” ).


Desenvolvimento da Visão : 7 aos 12 Meses

Seu filho agora está engatinhando ou até mesmo dando seus primeiros passinhos, nesta fase, as crianças estão desenvolvendo uma melhor percepção do seu corpo e aprendendo a coordenar a sua visão com os seus movimentos.

É também um momento que exige maior atenção de sua parte para evitar acidentes com seu bebê. Quedas, contusões, lesões oculares e outras lesões graves podem ocorrer quando ele começa a explorar seu ambiente.

Não se preocupe se os olhos de seu bebê estão começando a mudar de cor, a maioria dos bebês nascem com olhos claros, isto se deve, porque os pigmentos escuros na íris ( área colorida do olho) não estão completamente desenvolvidos ao nascer. Ao longo do tempo, pigmentos mais escuros podem se depositar na íris e mudar a cor dos olhos , ou seja, a cor dos olhos do seu bebê só será definida por volta dos seis meses.

Com um ano de idade recomendamos o terceiro exame oftalmológico.